O que é o Hipérico, quais seus nutrientes e benefícios?

Nome científico: Hypericum perforatum

Classificação: Espécie

Classificação superior: Hypericum

Família: Guttiferae

O Hipérico é um arbusto perene e robusto, composto de folhas pequenas, ovais, alongadas e perfuradas, além de possuir flores douradas.

Durante séculos a planta tem tido empregada como laxante, diuréticos, antitérmico, cicatrizante, nevralgias, insônias, dores de cabeça, gastrite, hemorroidas, tétano, doenças mentais e até mesmo para alguns tipos de câncer. Contudo, seu principal e mais efetivo benefício é no combate a depressão.

Nutrientes: O Hipérico, também conhecido como a erva-de-são-joão conta com óleo essencial, taninos, resinas, pectina, flavonoides, prociandina, catequinas, fitoesteróis, vitamina C, carotenos, aminoácidos e saponinas. Sendo que a principal substância responsável pelos benefícios é a hipericina e seus fitocomplexos. Ela possui ação calmante e por isso os pesquisadores acreditam que é capaz de combater a depressão.

Benefícios do hipérico:

Ansiedade: Por possuir alta concentração de hipericina e hiperforina, é muito indicado para o tratamento de ansiedade leve. Utilize esse tratamento, porém, sempre mediante de consulta médica.

Oleosidade da pele: O óleo extraído dessa planta possui propriedades adstringentes que ajudam a manter o nível adequado de oleosidade da pele. Aplicado sobre a derme, age como normalizador dos níveis de oleosidade, além de ser um ótimo regenerador nos casos de feridas e queimaduras.

Problemas estomacais: Uma das substâncias presentes no hipérico, a hipericina, combate a acidez do estômago, o que acaba tratando os problemas decorrentes, como mal-estar estomacal, digestão pesada, vômitos e diarreias.

Toxinas: Outra substância encontrada nessa planta é o limoneno, que, por suas propriedades diuréticas, acaba facilitando a eliminação de toxinas do organismo.

Depressão: Esse é um dos usos mais comuns do hipérico, e também o que mostra os melhores resultados. As substâncias presentes nessa planta atuam diretamente no combate à depressão, porém, sem os efeitos colaterais de medicamentos fármacos. Porém, o uso do hipérico nesses casos deve ser adotado por períodos longos para começar a demonstrar resultados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *